Visitação ao Concurso Nacional de Presépios fica aberta até 6 de janeiro

A votação é feita por meio de cédula disponibilizada pela Faop. Visitante pode escolher o trabalho que mais lhe agradar

imagem de destaque
A obra escolhida pelo júri técnico em 1º lugar foi de Marialda de Amorim Coury Martins
  • ícone de compartilhamento

O 45º Concurso Nacional de Presépios está chegando aos seus últimos dias de visitação e votação popular. Os trabalhos, enviados de vários lugares do país e feitos com os mais diversos materiais, podem ser visitados na sede da Fundação de Arte de Ouro Preto (Faop) do Rosário, em Ouro Preto (MG), até o dia 6 de janeiro de 2018.

As obras ficam abertas a votação popular, por meio de cédula disponibilizada no local, onde o visitante pode escolher o trabalho que mais lhe agradar.

História do Concurso Nacional de Presépios

Criado durante o tempo em que o escritor Murilo Rubião foi presidente da Faop, o Concurso Nacional de Presépios surgiu como uma forma de estimular releituras e novas interpretações da tradição cristã.

As obras concorrentes são avaliadas por um júri técnico, que seleciona três obras, e por um júri popular, que seleciona uma. Os premiados recebem valores em dinheiro e são inseridos no acervo da Faop.

Premiação

As premiações somam um total de R$ 3.200. Três obras foram indicadas por um júri técnico, no dia da abertura da exposição sendo premiadas com os valores de R$ 1.000, R$ 700 e R$ 500, respectivamente.

Os demais presépios, com exceção do melhor avaliado pelo júri especializado, serão votados pelo júri popular. Uma cédula será entregue a cada visitante da exposição. Após o encerramento, os votos serão apurados e o ganhador recebe um prêmio no valor de R$ 1.000. As premiações serão entregues até o dia 30 de março de 2018.

Os trabalhos congratulados com as premiações citadas acima serão incorporados ao acervo de presépios da Faop.



Últimas