Servidores públicos podem concorrer a bolsa de incentivo à pesquisa e desenvolvimento tecnológico da Fapemig

 O total de recursos será de R$ 1,5 milhão para fomentar a atividade de pesquisa, tecnologia e inovação em áreas do conhecimento que sejam de interesse do Estado

  • ícone de compartilhamento

A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig) está com inscrições abertas para a Chamada 03/2018, para obtenção de Bolsa de Incentivo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Tecnológico (BIPDT). A oportunidade é destinada a servidor público estadual, atendendo à orientação programática da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Sedectes). Os recursos alocados para financiamento serão da ordem de R$ 1,5 milhão.

O objetivo da chamada é fomentar a atividade de pesquisa científica, tecnológica e de inovação, em área do conhecimento de interesse do Estado. Além disso, a diretriz busca incentivar a qualificação do pesquisador público estadual, por meio da concessão de bolsas de incentivo a pesquisadores, detentores de títulos de mestre e/ou de doutor.

Para concorrer, o servidor precisa possuir vínculo funcional/empregatício na administração pública direta e/ou indireta do Estado de Minas Gerais e que estejam desenvolvendo projetos de pesquisa científica e/ou tecnológica financiados por agências oficiais. 

As bolsas BIPDT são divididas em duas categorias: A) no valor de R$ 1.100; e B) no valor de R$ 900.

São consideradas elegíveis as propostas de pesquisadores de Instituições da administração pública, direta ou indireta, do Estado de Minas Gerais e cadastradas junto à Fapemig, que atendam aos requisitos desta chamada. O número de propostas a se contratar está condicionado ao limite dos recursos disponíveis.

O prazo de execução de cada projeto contratado é de 12 meses, vedada a prorrogação. 

>>> Clique aqui para acessar o edital, na íntegra.

Informações sobre o processo: ci@fapemig.br.



Últimas