MGS é reconhecida como uma das melhores empresas de Minas e do Brasil

Resultado está no XXI Ranking Mercado Comum de Empresas Mineiras 2017/2016

  • ícone de compartilhamento

A MGS - Minas Gerais Administração e Serviços S.A. foi classificada em quinto lugar na categoria “Outros Serviços” do XXI Ranking Mercado Comum de Empresas Mineiras 2017/2016, realizado pela MinasPart Desenvolvimento Econômico e Empresarial.

A pesquisa analisou cerca de 4.000 empresas com sede em Minas Gerais que publicaram ou encaminharam à redação da revista os balanços e demonstrações de resultados relativos ao exercício de 2016.

No estudo de 2015, a MGS ficou em oitavo lugar na categoria. Após análise, a pesquisa classificou o conjunto das 500 maiores empresas, que podem ser encontradas por ordem alfabética ou por setor de atividade econômica, no qual a MGS subiu três colocações, ocupando agora o 5ª lugar.

Já na edição de 2017 da lista Melhores e Maiores da revista Exame, que avalia empresas do país inteiro e seleciona as mil melhores, a MGS foi classificada em 761° lugar, subindo 47 colocações em relação ao último ranking. Na lista da Exame de 2016, a MGS ficou em 808° lugar e na de 2015 em 826°.

A pesquisa avaliou empresas de todas as regiões do Brasil que publicaram demonstrações contábeis no Diário Oficial dos estados até o dia 15 de maio deste ano, ou enviaram os resultados diretamente para a revista, além de empresas conhecidas no mercado de porte significativo que não divulgam resultados, mas têm faturamento estimado pelos analistas do grupo.

O diretor-presidente da MGS, Carlos Vanderley Soares, considera que, mais que uma expressão numérica positiva, a evolução da MGS no Ranking das Melhores e Maiores Empresas do Brasil da "Revista Exame" e da "Mercado Comum de Empresas Mineiras" traduz o esforço feito pela atual gestão, a partir da posse em Janeiro de 2015, para uma mudança na cultura empresarial da companhia e no investimento em profissionalização do seu quadro gerencial, técnico e operacional. 

Carlos Soares faz questão de dividir os méritos dessa evolução da companhia com toda sua Diretoria Executiva, empregados e seus mais de 60 clientes.

"Trabalhar em regime de colaboração mútua, em clima de harmonia interna e muito profissionalismo permitiu chegarmos até aqui com a situação econômico-financeira razoavelmente estável, dado o cenário de crise atual, conseguindo manter o atual nível de empregos (18.500 empregados), com perspectivas de geração de mais 3.000 novos postos de trabalho até o início de 2018. Orgulha-nos trabalhar dia e noite para darmos a nossa contribuição para a geração de emprego e renda, minimizando os efeitos perversos do desemprego que se abateu sobre o nosso país e atingiu em cheio as famílias mineiras", afirma o diretor-presidente.

O secretário de Estado de Planejamento e Gestão, Helvécio Magalhães, também comemorou a inclusão da MGS entre as melhores empresas de prestação de serviço.

“Os avanços obtidos pela MGS no atual Governo comprovam que o caminho de melhoria permanente da gestão pública em Minas é uma prioridade que conta com apoio incondicional do governador Fernando Pimentel. Estamos conseguindo racionalizar os gastos públicos e contribuir para a redução do enorme déficit orçamentário herdado pela atual gestão. Parabéns à direção e a todos os funcionários da MGS”, ressalta o secretário.



Últimas