Jovens participam pela primeira vez de uma grande disputa esportiva durante o Jemg

Até sexta-feira (12/5), quase 950 jogos serão realizados em sete cidades-sede no estado

imagem de destaque
O Jemg é a primeira disputa de nível estadual de muitos jovens
  • ícone de compartilhamento

Grande parte dos alunos-atletas de 12 a 17 anos que participam dos Jogos Escolares de Minas Gerais (Jemg) tem no evento a primeira chance de vivenciar um grande evento esportivo e de estarem envolvidos na rotina de treinos e partidas.

O Jemg é a primeira disputa de nível estadual de que Maria Júlia de Oliveira, de 13 anos, participa. Estudante da Escola Estadual Barão do Rio Branco, de Itajubá, no Território Sul, a adolescente joga futsal e, nos últimos meses, ela e seu time treinaram duro, focadas na etapa microrregional, que será disputada em Pedralva (Sul).

Às vésperas da estreia na competição, Maria está apreensiva para as partidas. “Para mim é ótimo viajar para jogar, tenho expectativas de vencer lá, e também conhecer outras pessoas e times”, conta. Após o Jemg, a aluna-atleta quer se manter nos treinos, melhorando seu desempenho no esporte.

Os alunos da escola competirão no futsal no naipe feminino e no handebol, no feminino e no masculino. Segundo o professor de Educação Física Ivan Lucas de Oliveira, ele e os outros três professores da disciplina se dividiram para treinar cada equipe do colégio.

Com a participação de seus alunos no Jemg, ele tem grandes expectativas para o futuro. “Espero que todos se empenhem mais nas aulas de Educação Física e que, aqueles que se destacarem, consigam ir para um clube e seguir carreira no esporte”, almeja.

Nessa segunda-feira (8/5), teve início a segunda semana da fase microrregional, na qual alunos de 258 escolas de 100 municípios mineiros participarão de quase 950 jogos. Além de Pedralva, outros seis municípios sediam o evento neste período: Governador Valadares (Vale do Rio Doce), João Monlevade (Metropolitano), Leopoldina (Mata), Paracatu (Noroeste), Poços de Caldas (Sul) e Santa Bárbara (Metropolitano). Nessa etapa, os alunos-atletas competem nas modalidades coletivas –basquete, futsal, handebol, vôlei – e também no xadrez.

No dia 1º de maio, o Jemg 2017 foi aberto e, na primeira semana, sete cidades receberam o evento –Campo Belo (Oeste), Capitólio (Sudoeste), Divinésia (Mata), Ibiá (Triângulo Sul), Itamarandiba (Alto Jequitinhonha), Mateus Leme (Metropolitano) e Pitangui (Oeste). Nelas, já foram conhecidas equipes classificadas para a etapa regional.

As microrregionais são disputadas em 49 cidades-sede –divididas de acordo com as Superintendências Regionais de Ensino (SRE) da Secretaria de Estado de Educação (SEE) – até o dia 18 de junho.

Jemg

O Jemg, o maior e mais importante programa esportivo-educacional do estado, é uma ferramenta pedagógica que valoriza a prática do desporto e a construção da cidadania de jovens alunos-atletas. Realizado em parceria com a Secretaria de Estado de Educação (SEE), permite que todas as escolas de ensino fundamental e médio dos 853 municípios mineiros participem. O Jemg indica os representantes mineiros para os Jogos Escolares da Juventude e Paralimpíadas Escolares, etapas nacionais.



Últimas