Berizal abre o cronograma de atividades do projeto Unimontes Solidária em 2018

Ação da Universidade Estadual de Montes Claros promove atendimentos gratuitos à comunidade local, em diversos segmentos

imagem de destaque
Vista aérea de Berizal
  • ícone de compartilhamento

O município de Berizal, no extremo norte do Estado, será o primeiro local a ser visitado pela caravana do projeto Unimontes Solidária em 2018. A delegação de alunos e professores da Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes) seguirá viagem na próxima segunda-feira (8/1), pela manhã, para um período de sete dias de atendimentos gratuitos à população em geral nas áreas de esporte, lazer, saúde, educação e de políticas sociais.

O grupo contará com 30 acadêmicos de 12 cursos de graduação do campus-sede, além de dois professores da Coordenadoria de Apoio ao Estudante (CAE), da Pró-Reitoria de Extensão.

Emancipado há 21 anos, Berizal está localizado a 314 quilômetros de Montes Claros e conta atualmente com 4,7 mil habitantes, conforme a última estimativa populacional do IBGE, de 2017. A prefeitura é parceira das atividades, com a contrapartida do transporte e suporte de alojamento e de alimentação aos alunos voluntários.

A visita integra, ainda, o cronograma de 2017 do Unimontes Solidária, ano em que o projeto completou uma década e meia de atividades. Conforme a CAE, também em janeiro, a caravana visitará o município de Claro dos Poções, na segunda quinzena.

O planejamento estabelecido no ano passado prevê, entre 2017 e 2018, o atendimento de 20 municípios da área de abrangência da Universidade, no Norte e Noroeste de Minas, Vales do Jequitinhonha e do Mucuri, além do Centro do Estado. Até o momento, foram visitadas 12 cidades, com a participação direta de 164 acadêmicos dos cursos da Unimontes, que atuam como voluntários nas diversas ações em prol da comunidade em geral.

Dentre os critérios estabelecidos está o IDH destes locais, ainda abaixo da média do restante do Estado (0,73). Berizal, por exemplo, possui o índice de desenvolvimento humano de 0,60.



Últimas