Pronunciamento do governador Fernando Pimentel no lançamento da terceira etapa do programa de revitalização do rio São Francisco

  • ícone de compartilhamento
download do áudio

Boa tarde e todos e a todas!

Estamos hoje nessa tarde do Dia Mundial da Água celebrando dois eventos muito importantes.

O primeiro é esse aqui, nós estamos começando a terceira etapa da revitalização da bacia do Rio São Francisco.  São obras muito importantes, os prefeitos e prefeitas aqui sabem bem a importância que tem a construção dessas bacias de captação, desses terraços em curva de nível, dessa proteção de mata ciliar e da proteção das nascentes, do cercamento e a marcação das nascentes. Nòs temos hoje 479 bacias já plotadas no projeto e que serão incluídas nessa fase.

Esse ato tem sua importância real, mas tem também uma importância simbólica muito forte. O Rio São Francisco é fundamental não só para Minas Gerais, mas para o Brasil inteiro. Então, nós estamos celebrando de fato uma obra relevante. Alguém que está longe pode achar que é pouca coisa, às vezes eu ouço um comentário, “ah mas isso é muito pequeno, você está fazendo proteção de nascente, de que isso vale?”. Bem, quando falta agua na casa dele, realmente vale muito, mas enquanto a agua está jorrando, ele não está preocupado com isso. É nossa obrigação, é nosso dever cuidar das nascentes do Rio São Francisco.

Porque aí sim podemos celebrar o segundo evento que eu queria mencionar hoje. Para nossa felicidade, estamos fazendo isso na mesma semana em que nossos irmãos do Nordeste puderam celebrar finalmente, pela primeira vez, a chegada das águas do São Francisco lá em cima na Paraíba, em Pernambuco, com a obra de transposição do Rio São Francisco.

Obra que muita gente dizia que era impossível, que não seria feita, que era um sonho desde o tempo do Império, e agora está lá a água chegando no Eixo Norte. Ainda falta o Eixo Leste que vai ser feito, mas enfim, é um sonho que virou realidade à custa de muito trabalho, muito empenho, muito sacrifício.

Foi um ato bonito lá, com a presença do nosso querido ex-presidente Lula, celebrado pela multidão, justamente porque foi ele quem implementou e trouxe de volta toda essa obra. Enfim, nada mais justo do que ele ir lá e celebrar com o povo dele lá do Nordeste a chegada da água.

Mas a água só chega lá porque ela nasce aqui e nós temos que preserva-la, nós temos de cuidar desse rio como se fosse a nossa própria vida – aliás, ele é a nossa própria vida.

Eu sempre tenho essa simbologia do Rio São Francisco, que é muito forte para todos nós mineiros. Quem conhece a obra de Guimaraes Rosa, e aqui certamente muitos já leram, sabem como o rio é personagem importante do Grande Sertão – Veredas.

Está ali como o rio demarca, simbolicamente, as duas margens do rio. A margem direita e margem esquerda. E os personagens principais do rio, do lado do Urucuia, o Deobaldo, do lado do Carinhanha, o Hermógenes. O lado do bem e o lado do mal. Lado da luz e a parte das trevas.

É claro que é simbólico, mas isso mostra como o rio mora fundo no coração dos mineiros, e mostra como o rio é importante na formação da nossa identidade como povo de Minas Gerais, como o rio é importante na formação daquilo que a gente chama de mineiridade. Então, preservar o rio, cuidar das suas nascentes, é fundamental, não só para a nossa vida, a importância material da água, mas até para a nossa identidade psicológica.

O prefeito de Diamantina falou aqui que a crise é psicológica, e é mesmo, e para afastar a crise, nós temos é que dar bons exemplos. Mostrar que o rio vai continuar fluindo, e as aguas vão caminhando para o mar, mar da esperança, o mar da certeza, o mar do futuro deste pais, que é muito, é grande e vai superar qualquer crise.

Então, lembrando aquela música bonita - uma das canções mais bonitas na música popular brasileira - “um rio que passou em minha vida”, vamos ficar com essa música no ouvido e no coração e trabalhar para que o Rio São Francisco seja o grande rio da integração nacional. E que Deus nos ilumine e que o futuro seja assim.

Obrigado a todos e a todas!